15 julho 2007

Mulher dura na queda

Dei flores perfumadas,
abri portas,
puxei cadeiras aveludadas.
Ofereci chocolate quente.
Preparei banquete.
Fiz poesia, declamei.
Negativou com a cabeça.
Deixou-me sem sentidos.
Apelei.
Cochichei que o deputado foi processado.
Que o governador foi obrigado a devolver o dinheiro.
Que o presidente demitiu seis ministros.
E renunciou.
Fui beijado, na boca.
Faz sentido.
※ ※ ※ ※ ※
Quadro “A diva no divã” de Rosiane

8 comentários:

Sonia disse...

He, he, he, Roberto. Mudaram os galanteios?

Klotz disse...

O que agente não faz por uma mulher interessante, não é mesmo?

Não, não é mentir. É externar torcida, desejos e vontades.

Klotz disse...

O "agente" daí de cima é secreto e por isso se disfarça em a gente.

Mônica disse...

Será que o blog permite? Ele está me boicotando.

Eu tenho discordâncias quanto ao fato desta mulher ser tão interessante. Acho que ela não entendeu nada, mas tenho certeza de que está lisonjeada.

Mônica disse...

E não é modéstia, é ignorância mesmo. Não entendi nada! hehehe, mas mando beijos.

maray disse...

infelizmente acho que ela tá certa, sim. Os tempos de hoje não são de romance. Tá bom, a gente até beija na boca, que ninguém é de ferro, mas é preciso algo mais. :)

Klotz disse...

Perfeito Maray, era exatamente este o espírito. " Tá bom, tá bom. mas cadê os resultados?"

Mônica disse...

Continuo sem entender chongas! Uma hora me explique, por favor, porque ainda restam neurônios na ativa por aqui...hehehe

 
Search Engine Optimisation
Search Engine Optimisation